SÍNTESE DE CONCEITOS

O conceito correto é impositivo, para o desenvolvimento do raciocínio, com base na realidade.
Obs.: Sem conceitos adequados a inteligência é estéril.

SABEDORIA é o uso adequado do conhecimento.

VERDADE é realidade universal permanente.

ERRO é conceito, opinião, ação ou omissão contrários à realidade.

VIRTUDE é a capacidade de buscar e praticar o bem.

VÍCIO é a submissão ao mal.

NAÇÃO é a cristalização da vontade de um povo.

PÁTRIA é a expressão da devoção da Nação ao País.

PODER INSTITUINTE é a faculdade do cidadão, legitimamente, criar, modificar ou revogar instituições.
Pode ser exercido individual e coletivamente.
Não pode ser exercido por representação.

INSTITUIÇÃO é a concretização da VONTADE DA NAÇÃO.

A PRIMEIRA INSTITUIÇÃO de uma NAÇÃO é sua FORÇA ARMADA, porque GARANTIDORA do seu TERRITÓRIO.

Obs.: A SOBERANIA e a LIBERDADE dos povos são impossíveis sem exércitos adestrados e adequadamente equipados.
O País é a Segunda Instituição, que se concretiza após a garantia do território.

A DESTINAÇÃO INSTITUCIONAL das FORÇAS ARMADAS é a DEFESA INCONDICIONAL da PÁTRIA.

Guerra de 5ª geração é toda tentativa de origem externa, por quaisquer meios, que objetive minar o cenário político – econômico – tecnológico – psicossocial – ambiental – militar e a soberania de um país, através de agentes internos ou externos.

LIBERDADE é a autodeterminação dos seres.

ESTADO é instituição da NAÇÃO, para proteger as pessoas e delimitar as ações de governo.

PAÍS é o território ocupado e garantido por uma Nação.

DEMOCRACIA é Segurança do Direito Natural.

POLÍTICA é a decisão do que fazer, por quem tem o poder necessário.

ELEIÇÕES são meros MECANISMOS DE ESCOLHA, que isoladamente não garantem a democracia.

A LEGITIMIDADE de uma eleição depende da adequação dos seus mecanismos, que devem prestar-se, exclusivamente, a escolher os MELHORES ENTRE IGUAIS, garantindo a LIBERDADE DE ESCOLHA dos eleitores.

O PARÂMETRO da AUTORIDADE é a legalidade.

GENERAL é o combatente, que conhece, busca e enfrenta, permanentemente, o inimigo real da sua nação.

O LIMITE entre a TOLERÂNCIA e a AÇÃO é a segurança da obra. (PÁTRIA)

A ORDEM PÚBLICA é o PATRIMÔNIO JURÍDICO mais importante para a sociedade, porque garantidora da vida e da liberdade das pessoas.

CRIME ORGANIZADO é o consórcio delitivo, entre criminosos e agentes públicos.

TERRORISMO, Privado ou de Estado, é a Politização da Violência Ilegal: física, psicológica ou administrativa, objetivando a submissão pessoal ou coletiva, pelo medo.

O “papel socioeconômico e estratégico” do campo é a produção de alimentos, para garantir o abastecimento e a exportação de excedentes.

Os setores secundário e terciário da economia (indústria, comércio e serviços), alavancados pelo setor primário, arcam com o papel socioeconômico de criar empregos e garantir a renda, para a sociedade.

São Paulo, 13 de junho de 2014.

UNIÃO NACIONALISTA DEMOCRÁTICA – UND
Antônio José Ribas Paiva
Presidente